"" A Poesia quando chega ...""

Minha foto
Vitória, Espirito Santo, Brazil
""Eu vivo em carne viva, por isso procuro tanto dar pele grossa a meus personagens. Só que não agüento e faço-os chorar à toa.(...) Ser cotidiano é um vício. O que é que eu sou? sou um pensamento. Tenho em mim o sopro? tenho? mas quem é esse que tem? quem é que fala por mim? tenho um corpo e um espírito? eu sou um eu? "É exatamente isto, você é um eu", responde-me o mundo terrivelmente. E fico horrorizado"". ("Um Sopro de Vida" , Clarisce Lispector)

terça-feira, 31 de agosto de 2010

Conferência reúne arte e informação!


Arte... Direitos humanos
Por Luiza Rosario

“Preciso falar. Acreditem... Alguma coisa dentro da minha cabeça um troço difícil de explicar. Como uma voz vinda de longe... E que só pudesse ser ouvida aqui dentro... Essa voz me disse que não era justo calar. Que o a que tava acontecendo tinha que ser posto pra fora...”
(Netto, João Ribeiro Chaves - Patética)

Essa voz que grita de nosso peito e salta ao corpo é a voz de indignação, ação, e ligação direta que os meios artísticos têm a sociedade  aos direitos instituídos e a liberdade. Voz traçada pelo mesmo impulso (creio) foco de inspiração de artistas como Chico Buarque com suas letras e musicas, com a intenção (creio) de levar aos berros artísticos o conhecimento da barbárie e caos de uma sociedade subjugada e que pouco conhece às vezes ignora seus direitos legais.

A “Conferencia os direitos humanos na atualidade e a arte com isso” vêm com o objetivo de colocar em discussão a relação que a arte tem com os direitos humanos com o intuito de unir num só debate artistas, sociedade, e profissionais das áreas de sociologia, políticas, humanas para que possamos não só aprender e conversar, mas também analisar com fatos o panorama e a relação que este estado tem com tema tão questionador e em plena evolução para um levantamento e conhecimento especifico com a liberdade que nos foi assinada pela Declaração dos Direitos Humanos, gerando aos participantes reflexões, e quem sabe um impulso para mudanças, e deixando as claras o lado mais latente e muito esquecido das artes, que é o lado critico, político, e em movimento com a sociedade, não só o proporcionar lazer e entretenimento.

Programação:

15h _ Abertura com oficina “PRÉ-EXPRESSIVIDADE” oferecida pelo Grupo Híbridos de Teatro. Inscreva-se pelo e-mail híbridosdeteatro@yahoo.com.br. Vagas limitadas!

18:30h _ Mesa e debate da temática: “Direitos humanos na atualidade e a Arte com isso?”

21h _ Apresentação do grupo Barulho de Torresmo e Grupo Cultural da Comunidade Helênica do ES.

Conferencistas:


Ø      Mauro Petersem Domingues: Sociólogo (UFRJ) e Cientista Político (IUPERJ), professor do Departamento de Ciências Sociais da UFES, responsável, dentre outras, pela disciplina "Instrumentalização para o Ensino de Ciência Política" onde se enfatiza a Educação em Direitos Humanos.

Ø      Fábio do Carmo: Bacharel em Música (UFMG) e professor do Circuito Cultural de Vitória em 5 edições; Professor de música do PETI (Programa de Erradicação do Trabalho Infantil), da Casa de Passagem e do PROJOVEM ADOLESCENTE da Prefeitura Municipal da Serra. Atua como músico em diversos grupos da grande Vitória-ES.

Ø      Luiz Inácio: Coordenador do Fórum Nacional de Juventude Negra (FONAJUNE), Coordenador do Fórum Estadual de Juventude Negra (FEJUNES), Secretário-executivo do Conselho Estadual dos Direitos Humanos e Estudante de Direito.

Local: Rua da Grécia, 228 _ Barro Vermelho, Vitória
(avenida ao lado do Carrefour, sentido Praia do canto/ barro Vermelho)


Contatos:
(27) 8177-0279 / 9282-8050/ 3222-5124

Visite os Blogs: hibridosdeteatro.blogspot.com
                           hibridosdeteatro.wordpress.com


Apoios:

Centro de Cultura Grega
Grupo Híbridos de Teatro
Max Goldner